29º Miniconto - Adeus

Adeus

Refletir sobre a hora da morte é uma das coisas que mais apavoram, é como pensar no amanhã sem ninguém, no ficar sem alguém ou já não estar mais lá. Sentado aqui imagino um mundo sem ti e pressinto a saudade que vou sentir, mas em meu leito de morte me preocupo ainda mais em preparar a ti para as saudades que vais sentir.
Pois de mim não sobrará mais nada, a terra comerá minha carne e de lá eu olharei você. E o que mais me aterroriza é o que deve te aterrorizar também, pois não é a saudade que vais sentir, porém quando a lembrança já não estiver ali.

Adeus...
Autor: Felipo Bellini Souza     Criação: 04/09/2011     Objetivo: felipobellini.blogspot.com
0