8ª Coluna Esportiva - BAGUNÇA FUTEBOL CLUBE


                                                 BAGUNÇA FUTEBOL CLUBE

Boa tarde, leitores!

Que semana tumultuada foi essa para o futebol? A cada dia o futebol está demonstrando uma total bagunça e desorganização que provem dos seus administradores (presidentes e a corja). 

Infelizmente também ocorreu a tragédia no Egito, onde aproximadamente, 74 pessoas perderam as suas vidas. Dói em minha mente só em pensar. Me causa revolta maior por ter sido um ato de vandalismo causado não somente pela briga de torcedores, como também pelo lado político envolvido.

A minha indignação é enorme. Por isso e vou dividir por tópicos as minhas maiores queixas nesse futebol tão tendencioso e que levam as pessoas para o seu lado obscuro e hipócrita. (Tópicos relacionados: 30/01 à 03/02 de 2012).

CASO DEIVID (Flamengo): O Atleta foi à justiça reivindicar seis milhões e 500 mil reais que o clube lhe deve. Não costumo assistir a todos os jogos do Flamengo. Mas os que assisti, eu pude perceber a entrega que o jogador possui dentro de campo. Mesmo com todo esse dinheiro pra receber o atleta agiu como profissional que é.

CASO Thiago Neves: A contratação por parte do Fluminense não vem ao caso (no momento). O que mais me espantou foi a presidente do Flamengo (Patrícia Amorim) insinuar que o Fluminense não agiu com ética. Espere aí! O atleta não possuía 100% do seu vínculo com o Flamengo e estava sem receber salários. Ou seja, ele tinha total direito de escutar toda e qualquer proposta que lhe fosse interessante.

CASO LUXEMBURGO: Faz muito tempo que o clima entre o técnico e jogadores do Flamengo não vinha bem. O que impedia a saída de Luxemburgo do Flamengo era uma multa de quatro milhões de reais que o Flamengo teria de pagá-lo para que pudesse demiti-lo. O “luxa” não é nenhum santo, mas o que fizeram com ele, a forma como direcionaram a sua saída foi amadora e desculpem a expressão: sacana! Comandado por Ronaldinho Gaúcho e sua trupe, os jogadores conseguiram a demissão do técnico e só comprovaram que o Flamengo é uma “zorra”.

CONCENTRAÇÃO NO VASCO: Sem receber, os jogadores aboliram a concentração antes dos jogos até que as coisas possam ser resolvidas. Um comentário objetivo? Fizeram o certo.

CASO PATRÍCIA AMORIM: Ela, como atleta, sempre foi conhecida por disciplina e organização. Porém, desde que assumiu a presidência do Flamengo, se perdeu e seu comando é duvidoso. A mesma Patrícia falou em falta de ética do Fluminense perante a contratação do Thiago Neves. Ué, e qual foi a ética que ela teve com o Luxembrugo? Antes de demiti-lo já estava conversando com Joel Santana. Que ética é essa que ela cobra? A administração no Flamengo é inexistente.

CASO ADMINISTRAÇÃO NOTA ZERO: os clubes brasileiros estão conseguindo transformar tudo em uma bagunça só. Poucos são os clubes que possuem uma administração séria e sem gastos excessivos. Porém, a maioria dos nossos clubes está gastando “rios” de dinheiro sem os possuir. Simplesmente utilizam-se dos empréstimos a bancos, dinheiro do patrocinador e das cotas de TV. Mas para que possam pagar é preciso gerar retorno: marketing, títulos, etc. Mas isso não está acontecendo. E o que acontece, Raniery? Simples: as equipes vão se endividando cada vez mais, atrasando salários, deixando de ter retorno financeiro e mesmo com tudo isso, ainda se dão ao cabimento de pagarem 700 mil reais (mês) aos técnicos (alguns), mais de um milhão de reais (mês) para alguns jogadores e, os mesmos, não conseguem títulos e resultados expressivos. Ou seja, eles gastam o que não tem. A administração na maioria dos clubes é totalmente amadora. Quem sofre com isso? Os torcedores que deixam muitas vezes de comer pra pagar 40 reais e assistir ao jogo do seu time de coração. Para se ter um ideia: o treinador do Barcelona, Josep Guardiola, recebe menos que 400 mil por mês. E estou falando de BARCELONA.

CASO RONALDINHO: Pra finalizar eu vou me “rebelar” contra o que aconteceu com o Sr Ronaldo Gaúcho. O supracitado não foi ao treino do Flamengo alegando uma conjuntivite e que precisava descansar para melhorar. Porém, no mesmo dia, foi visto em um show de pagode. Ou eu estou doido e não sei o que é uma conjuntivite, ou o R10 deu mais um migué pra cima da diretoria omissa do Flamengo.

Já peço desculpas, antecipadamente, por algum erro de Português. Encontro-me em uma alergia forte e só vim postar pelo amor ao esporte e pelo respeito a TODOS VOCÊS.

Analisem bem os temas que abordei.

Desde já venho dizer que não possuo nada contra o Clube de Regatas Flamengo. Mas que administração é essa no nosso futebol? Somos sapientes de que cada área, pra funcionar, deve primeiramente possuir uma administração impecável para que as coisas possam ocorrer naturalmente. Estou exausto e quase desistindo de acreditar em pessoas do bem que atuem no futebol. Lembrando mais uma vez: não são todos os clubes e dirigentes que enveredam por este caminho.

Eu procuro falar a língua de vocês, amigos. Procuro falar ou argumentar o que nós fazemos e falamos quando estamos em uma roda de bate papo com os amigos, na escola, universidade, etc.
Grande abraço!

Por: Raniery Maciel Vítor Medeiros. Em: 06/02/2012. Objetivo: www.ligadosfm.com

Este texto pertence ao blog Ligados FM - Confira: http://www.ligadosfm.com/#axzz1lcZHPYCD

Confira meu último trabalho: http://www.ligadosfm.com/2012/01/7-coluna-esportiva-dois-guerreiros-duas.html#ixzz1lcYu5rJv



1