Pages - Menu

12 de jun de 2012

27º Mundo Cão - Oito Simplicidades Com as quais Podemos Viver Melhor!

Existem 08 coisas que devem ter cadeira cativa no quarto de qualquer pessoa:

1. um espelho na parede;
2. um criado mudo perto da cabeceira da cama;
3. um abajur;
4. um mural de frente para a cama;
5. uma estante de livros com meio palmo de distância entre as orelhas e o pára-peito da bandeja;
6. um filtro dos sonhos;
7. em encosto triangular de 45º;
8. livros que falam de fé.

Mas, por que tantas coisas exóticas, algumas até difíceis de serem encontradas nos dias de hoje?

Primeiramente, é mais do mesmo sugerir uma bancada horizontal ou um conjunto de bandejas embutidas, daquelas que são pregadas na parede, uma hack, uma mesinha e uma televisão. Na verdade, necessitamos muito mais do que essa parafernalha tecnológica de hoje em dia, tomadas para carregar o smartphone, uma extensão de tomadas ou um no-break para o computador.

O Criado Mudo!

Na era dos Tablets superpotentes e dos PCs portáteis de alta performance, o que cai bem, mesmo, em uma cabeceira, é algo do tipo mais versátil e que toma menos espaço sobre a cama. De preferência, que o seja do tamanho de um livro de bolso e que divida perfeitamente o espaço com abajur sobre o criado mudo. O Criado mudo! Sabemos que os Tablets são excelentes armazenadores de grandes quantidades de livros - e-books, para falar ser sincero -, mas, o bom e velho livro de papel nunca deixou de dar o ar da sua graça!

O Abajur!

O abajur, contudo, é servido muito mais do que uma mera fonte de luz noturna; serve-se, sobretudo, de companhia nas horas de insônia ou de pesadelo, um belo acompanhante para um livro, uma leitura de umas 10 páginas por noite ou 20 por cada hora de insônia. E o mundo vem mais fresco no dia seguinte!

Além do mais, melhor do que um quarto escuro ou com a luz acesa em fim de noite é um quarto iluminado por um abajur - igual aos velhos tempos das décadas de 1980 e 1990, nos quartos dos nossos pais!

Livros que falam de fé!

Gosto de dizer que literaturas que tratam da fé são leitura essencial para as horas de cabeceira. O que seria do ser humano sem a fé? Pelo que espera um ser humano sem fé? Acreditar na existência de um deus superior, Deus, dá mais sentido a uma vida limitada que se limita à matéria, ao escuro póstumo ou à mera decomposição da carne morta dentro de um caixão de madeira. Lemos diversas coisas durante o dia, os relatórios do escritório, trabalhos científicos, atividades técnicas e até romances... Mas, é essencial que se tenha na cabeceira algo que saia da rotina material ou de entre seres terrenos!

A propósito, por mais que pareça utópico ou sem sentido, a motivação é tão abstrata quanto à fé no sucesso, em dias melhores, em surpresas agradáveis. Fé nada mais é do que a crença na vinda de dias melhores. Para falar a verdade, o real sentido dos nossos objetivos está no caminho trilhado rumo a uma unidade sempre superior ao que conquistamos. Nossos objetivos são infinitos, ainda que nossas metas sejam finitas ou limitadas. O objetivo central do ser humano em vida é crescer e os limites disto somente se impõem à genética na determinação de nossa estatura.

Espelho na parede do quarto!

Encarar a si mesmo também é outra necessidade para qual pouco damos importância em cada minutos que se passa durante o dia. Encaramos mais às outras pessoas, questionamos o sucesso do próximo, observamos as cagadas do vizinho ou os palavrões da chefia do que importamos com o tamanho do nosso medo de mudança ou de bater de frente com tudo isto.

Nada surte mais efeito motivacional do que ser questionado por si mesmo; ser questionado por terceiros, por hora, cai como uma espécie de atentado à honra e à integridade pessoal, isto, sem falar que, geralmente, as pessoas encaram-se umas às outras perante terceiros, bem no meio da celebração da vida social, e em momentos nada conveniente, nada cabíveis a tal. No fim das contas, tudo termina como uma demonstração de poder ou jogos de ego, que termina por dar em nada...

Se buscamos ser pessoas melhores, o primeiro passo está em não dar brechas à observações alheias quanto à sua postura ou no que nos 'transformamos'. E isto vai da barba bem feita, da maquiagem bem retocada, às olheiras de uma péssima noite de sono. As pessoas não querem companhias cheias de problemas internos em si, mas, repletas de luz a dar e oferecer!

Mural de frente para a cama!

Um mural não se destina somente à finalidade de colar lembretes ou marcar datas de compromissos no calendário. Um mural rico é aquele repleto de fotografias, desenhos, de um guardanapo com recados dos amigos, escritos numa mesa de bar, pedaços de rótulos de garrafas de cerveja e até mensagens escritas por si mesmo.

Dormir e levantar sempre de frente para boas lembranças, daquelas que fizeram diferença e permitiram construir amizades verdadeiras, relações solidas ou fatos inéditos mudam o astral, independente de qualquer ocorrido do dia ou de dias anteriores. Às vezes, até de uma perda em vida! Estar em dia consigo mesmo é tão importante quanto estar em dias com os compromissos.

Estante de livros!

Por incrível que pareça, a real importância de uma estante de livros no quarto não está (somente) no fato de nela guardarmos nada mais, nada menos, do que livros. Aquele palmo de distância entre as orelhas deles e do pára-peito das bandejas dela pode fazer uma diferença inusitada! Uma frase colhida, um panfleto recebido na rua, uma apostila, um texto, um documento, até uma conta para pagar, geralmente, às pressas ou por precaução ao esquecimento, ficam por algumas horas descansando, justo, nesse lugarzinho de meio palmo!

Este pequenino espaço, mais ou menos do tamanho da metade de nossa mão, pode influenciar na decisão do que ler nos próximos meses, estudar na faculdade, com o quê trabalhar e até com quem se relacionar. Uma grande oportunidade pode estar escondida ali, naquele meio palmo!

Minha decisão em fazer mestrado partiu de um panfleto sobre uma especialização em gestão educacional esquecido por minha Mãe no meio palmo de uma das bandejas da minha estante de livros; não foi diferente com a ocasião de outro panfleto sobre uma turma preparatória para certame de banco, também, esquecido no mesmo meio palmo. Em ambos, obtive sucesso!

E, por acaso, ter esquecido um cartão de visita na bandeja de uma estante de uma livraria foi o suficiente para que uma amiga minha recebesse a ligação de um rapaz, atrevido, por sinal, com o qual está casada hoje!

Filtro dos sonhos!

Um Filtro dos sonhos tem duas finalidades, uma estética e outra sobrenatural. Existem diversas energias que trafegam por aí e chegam até onde estamos, sejam elas boas ou ruins. Segundo a crença de tribos indígenas americanas, ainda que se tratem de pesadelos, as boas energias vêm na forma de sonhos trazendo-nos informações as quais nos interessam de alguma forma; segundo esta crença, estes são os sonhos bons!

De qualquer forma, para crédulos e incrédulos, ter um filtro dos sonhos pendurado na janela do quarto ajuda a mudar o clima do ambiente. Não temos um deste pendurado no retrovisor do carro, muito menos em paradas de ônibus ou no interior destes! É do tipo 'assim como brilha confortável aos olhos uma parede verde para quem passa o dia inteiro olhando para uma parede branca, uma escultura feita por um artista para alguém que passa o dia inteiro vendo executivos de gravata ou uma pipa para quem passa o dia inteiro no trânsito'...

Trata-se de algo que não vemos com frequência e é disto que o nosso organismo necessita: estar em contato com coisas diferentes, para além do comum do seu habitat, a fim de produzir mecanismos de defesa e manter, com sucesso, a integridade do seu corpo! E isto, o Filtro dos sonhos, ajuda, de forma bem simples e sutil, na necessidade humana de quebrar a rotina!

Encosto triangular de 45º

É sempre bom lembrar que nossas costas precisam de cuidado. Ler um livro, ver TV ou descansar as pernas com a cabeça encostada no travesseiro ou na parede, é possível sentir, é nada confortável. 15 minutos é tempo suficiente para que os incômodos apareçam...

Além de maltratar menos a coluna, é possível segurar melhor o livro e apoiá-lo sobre a barriga, a cabeça codifica melhor a informação recebida, visto que se está em posição de relaxamento, e tem-se a impressão de que os olhos cansam menos até ao assistir TV, já que não se faz grandes esforços revirando a cabeça na busca da posição ideal para ler legendas ou ver melhor a imagem! Isto, sem prejudicar as costas!

Da mesma forma que o Filtro Solar aconselhava consumir muito cálcio para garantir melhores juntas na velhice, aconselhamos o encosto para quem acredita que é possível bem-estar no dia-a-dia, independente do que aconteça!

POIS as pessoas não necessitam de grandes promessas. Elas precisam, mesmo, é de pequenas soluções. Pois, grandes promessas exigem grandes esforços, enquanto que as pequenas soluções nada mais são do que gestos simples, muitas vezes, pouco observados, que surtem verdadeiro efeito! E o mais impressionante é poder contar com a simplicidade de pequenas ações capazes de mudar o semblante acerca de todo um contexto, isto, sem grandes esforços.

A vida é repleta de coisas por fazer, responsabilidades e compromissos a cumprir e eventos que demandam firmeza. À ninguém é plausível exigir rigidez de postura para que se possa usufruir do seu direito ao descanso ou aos meios que desviem do foco do trabalho e das responsabilidades. Estar de bem consigo mesmo é de direito do direito à vida!

Por: Andesson Amaro Cavalcanti
Em: 12/06/2012
Objetivo: www.LigadosFM.com

Postar um comentário